LOADING

Type to search

Perspectivas para o Calder Trophy 2019

Curiosidades

Perspectivas para o Calder Trophy 2019

Share
Fortes candidatos ao Calder 2019

Com o calendário regular se aproximando do fim, voltamos a falar dos rookies que chamaram a atenção em 2018-19 e que poderão levar o Calder Trophy no final da temporada. Alguns nomes já eram esperados, seja pelo ranking do draft ou pelo seu histórico, outros foram surpresas agradáveis.

Por mais que um jogador se destaque nos seus times anteriores, é quando ele chega na NHL que apresenta o seu verdadeiro estilo de jogo. E, para premiar aquele que mais se destaca, ajuda seu time a conquistar vitórias, demonstra inteligência de jogo e faz a diferença, a NHL criou o Calder Trophy.

Para levar o troféu pra casa, o novato precisa ter até 26 anos completos antes da temporada atual, além de não ter jogado mais de 25 jogos em uma única temporada anterior nem seis ou mais em cada uma das duas temporadas anteriores em ligas profissionais. Ou seja, ele precisa ter chegado à NHL com pouca experiência no hockey profissional.

Na última semana a NHL divulgou a lista com os nomes dos candidatos a levarem o troféu este ano. Agora, a Professional Hockey Writers’ Association irá votar nos 3 candidatos que serão apresentados no dia da cerimônia de premiação, além, é claro, do vencedor.

Abaixo, vamos conhecer um pouquinho sobre a temporada de cada um dos candidatos:

Elias Petterson – Vancouver Canucks

O favorito a levar o troféu, foi destaque único entre os rookies até a metade da temporada quando já marcava 22 gols, em um total de 42 pontos em 38 jogos. Petterson começou sua caminhada na NHL marcando em 5 jogos consecutivos. Conquistou 10 pontos até o final de Outubro, sendo destes, 7 gols. Porém, o que poderia ser uma vitória certeira do Calder Trophy, foi desviada por causa de lesões. Perder muitos jogos na temporada pode ser um adeus ao prêmio. Ainda assim, Petterson segue na corrida. Em 60 jogos ele conta com 59 pontos.

Jordan Binnington – St. Louis Blues

Só de estar nesta lista já é uma vitória para Jordan Binnington. O goleiro dos Blues chegou a achar que sua carreira com o time estava terminada há 18 meses atrás. Em seis anos, ele só tinha entrado em um jogo na NHL, em 2016. No início da temporada, ele era o quarto goleiro do time, e foi mandado para o time afilhiado dos Blues em San Antonio, Texas. Mas, para sorte de Binnington, e talvez do próprio St. Louis Blues, após lesões e trocas, Jordan foi clamado para defender o time principal mais uma vez. Dessa vez, Binnington aproveitou a sua chance e, sozinho, conseguiu colocar o Blues na corrida por uma vaga para os playoffs após conquistar uma sequência inédita de 9 vitórias, recorde de um goleiro rookie da franquia.

Carter Hart – Philadelphia Flyers

Carter Hart é outro goleiro que entrou para esta lista. Se um dos critérios para levar o Calder Trophy é comandar o time de uma forma produtiva, Hart sem dúvida é um dos candidatos mais fortes. Os Flyers sempre é um time que nos deixa intrigados pela instabilidade. Já se tornaram uma caixinha surpresa o que acontece com eles durante uma temporada, mas em 2018-19, eles conseguiram surpreender mais ainda quebrando um recorde que ninguém pensou que fosse possível: saíram da 31ª colocação para uma corrida direto para os playoffs no período de um mês. E o nome do responsável por isso é Carter Hart.

Hart foi chamado para estrear na NHL na vitória contra o Red Wings no dia 18 de dezembro. De lá pra cá, conquistou sequencias de vitórias consecutivas, uma delas chegando a 9 jogos sem perder. Outra qualidade do jogador, foi conseguir chegar à Liga mantendo o mesmo padrão que apresentava antes, exibindo uma precisão importante para um jogador tão jovem. Com apenas 20 anos, Carter Hart pode vir a levar o Calder na sua temporada de estreia, e, mais que isso, pode fazer com que os Flyers finalmente encontrem uma consistência.

Rasmus Dahlin – Buffalo Sabres

O NheLas já falou sobre a carreira deste jogador no início da temporada, uma vez que Dahlin chegou sendo uma sensação e com altas expectativas sobre a sua performance. Ele foi o primeiro a ser selecionado no Draft de 2018, mas apesar dos bons indicadores, ele demorou a engatar no ritmo da NHL.  Entretanto, quando chegou ao nível que precisava, Dahlin marcou 37 pontos e está ajudando o Sabres a brigar pela vaga nos playoffs.

Brady Tkachuk – Ottawa Senators

O Ottawa Sanators está passando por diversas crises internas não é de hoje. Mas, apesar disso, Brady Tkachuk conseguiu se destacar na sua primeira temporada na NHL. Ele foi draftado no quarto lugar geral em 2018, uma escolha até mesmo questionada, mas Tkachuck vem mostrando porque merece ser destaque.

Mais uma vez, vemos um jogador mostrar serviço para o seu time. Quando esta no gelo, Tkachuk permite que o Senators ao menos tente jogar, apesar de ser um ala esquerda e não ter o controle do jogo, o que depende dele, realiza com maestria. Brady Tkachuk consegue dominar os espaços, proteger o puck do adversário e atacar no momento certo os espaços em aberto. Talvez está seja o seu segredo para levantar a o Calder Trophy mesmo jogando em um time que vai de mal a pior.

Miro Haiskanen – Dallas Stars

Assim como Dahlin, Miro Haiskanen é defensor e vem se mostrando importante para o Stars na corrida pelos playoffs. Ele marcou dez gols em 71 jogos, mas sempre que marca, é de forma decisiva que muda o rumo do jogo. Haiskanen precisou assumir responsabilidade junto aos principais defensores do Stars, uma vez que o time mais uma vez sofreu desfalques por lesões. E, como o Dallas já apresentava uma defesa problemática nas últimas temporadas, Miro Haiskanen chamou a atenção do técnico Monty que lhe deu a chance de mostrar o porquê foi o terceiro escolhido no Draft de 2017 e ajudando o time a também estar na corrida pelos playoffs.

E para vocês? Quem leva este troféu? Os nomes são muitos e cada um tem sua característica que pode levar o Calder Thophy para casa. Ainda está sendo para prevermos quais desses rookies levantará o troféu, apesar de Peterson ser sem dúvidas o favorito. Mas, cada um destes jogadores já estão fazendo uma excelente temporada nos seus respectivos times ao realizar marcas pessoas que permitiram que seu nome estivesse entre os indicados.

Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Stories

Next Up

%d blogueiros gostam disto: