LOADING

Type to search

Perfil: Carter Hart

Notícias Perfil

Perfil: Carter Hart

Share
Perfil Carter Hart

Na última quarta-feira (9), Carter Hart estabeleceu um novo recorde para o Philadelphia Flyers. Isso porque o jogador, de apenas 21 anos, não deixou o puck entrar nas suas redes na vitória de 4 a 0 contra o New Jersey Devils. Desse modo, Hart se tornou o goleiro mais jovem da franquia a conseguir um shutout. Este foi apenas um dos recordes que o canadense já conquistou no início da sua carreira com os Flyers.

Defesa realizada por Hart do shoot de Taylor Hall

Hart nasceu em 13 de agosto de 1998, em Sherwood Park, Canadá. Inicialmente draftado pelos Flyers na segunda rodada em 2016, ele estreou pelo time em 17 de dezembro de 2018 depois de uma breve passagem pelo Lehigh Valley Phantoms, time afiliado do Flyers na AHL.

O goleiro é um dos mais jovens a conquistar marcas para seu time na Liga. Após ter demonstrado maturidade e segurança em sua temporada de estreia, Hart assumiu a titularidade na temporada 2019-20 e pode ajudar o time a voltar a competir por um lugar nos playoffs. Nos dois primeiros jogos dos Flyers da temporada, ele foi o responsável pelas redes, conquistando duas vitórias consecutivas.  

Modo Iniciante

Carter Hart começou a sua carreira na WHL na temporada 2014-15, com apenas 16 anos. Jogando pelo Everett Silvertips, o jovem goleiro teve um recorde de 18 vitórias em um 2.29 GAA e uma porcentagem de 0.915 saves. Em 2016, Hart foi nomeado goleiro do ano da CHL, chegando a ser ranqueado como o segundo goleiro norte-americano no NHL Central Scouting.

Na temporada 2017-18, Hart completou 1.60 GAA, 0.947 saves e 7 shutouts pelo Silvertips. Com isso, ele foi nomeado tanto goleiro do ano quanto jogador do ano pela WHL. Ele também levou, pelo segundo ano consecutivo, goleiro do ano da CHL, sendo assim o primeiro goleiro da história a conquistar duas vezes o prêmio.

Hart entrou no draft de 2016 como um dos melhores goleiros elegíveis naquele ano. De tal forma que ele foi selecionado na segunda rodada e assinou o contrato de entrada na NHL em 2 de outubro de 2016.

Sua carreira nos juniores é considerada uma das melhores na história do hockey. Apresentou não apenas um bom desempenho no gelo, mas também demonstrou maturidade e visão de jogo. Com isso, ficou na frente dos demais goleiros da sua idade. Um dos motivos para isso é o acompanhamento de um psicólogo desportivo, que auxiliou Hart neste meio tempo. Um preparo mental que, sem dúvidas, está dando resultado.

Por jogar em uma posição na qual a carreira é longínqua, chegar à NHL com apenas 21 anos é um dos diferenciais de Carter Hart. Em quatro temporadas que passou nos juniores, Hart conseguiu 116 vitórias, com 2.01 GAA e 0.927 save percentage e um total de 26 shutouts. Números que, sem dúvida, ajudaram a definir a sua carreira profissional.

Modo Carreira

Para quem acredita em superstições, e no mundo do hockey temos muitas delas, a chegada de Carter Hart ao gol dos Flyers aconteceu devido a uma onda de azar, ou até mesmo a uma suposta maldição do gol do time da Filadélfia. Ele foi, até na sua data de estreia, o oitavo goleiro a jogar pelo time na temporada 2018-19. Um recorde na NHL.

Hart começou a temporada jogando pelo Lehigh Valley Phantoms, afiliado dos Flyers na AHL. Ele foi chamado para a NHL em dezembro, quando Anthony Stolarz se lesionou. Em seu primeiro jogo na Liga, os Flyers derrotaram os Red Wings por 3 a 2 e Hart foi nomeado uma das estrelas do confronto. O jogador se tornou, assim, o goleiro mais jovem a vencer em sua estreia na NHL, posto que antes era de Carey Price.

Em 28 de Janeiro, Carter conquistou a sua quarta vitória seguida na NHL. Venceu os Jets e se tornou, dessa forma, o primeiro goleiro desde Steve Mason a conquistar este número de vitórias seguidas antes dos 21 anos. Por isso, Hart foi eleito rookie do mês, ajudando os Flyers a chegar em uma sequência de seis vitórias, duas derrotas e um overtime. Após levar os Flyers a uma sequência de seis vitórias seguidas, em 4 de fevereiro Hart foi nomeado estrela da semana.

Na nova temporada, podemos esperar do goleiro mais experiência de gelo e, quem sabe, até mesmo a titularidade frente às redes do Philadelphia Flyers. Carter Hart vem apresentando um jogo coeso e inteligente. É, portanto, um nome importante para se ficar de olho.

Modo Internacional

Competindo pela seleção canadense, Carter Hart também impressiona. Ele esteve à frente às redes no 2017 World Junior Ice Hockey Championships, quando o Canadá voltou para casa com a medalha de prata, perdendo para os Estados Unidos nos shootouts. Mas, ao invés de se render à derrota, Carter voltou no ano seguinte para conquistar a medalha de ouro no 2018 World Junior Ice Hockey Championships. Neste torneio, Carter marcou um percentual de 0.929 de saves, 1.81 gols permitidos e um shutout nos seis jogos em que participou.

Em abril de 2019, depois dos Flyers terem ficado de fora dos playoffs, Hart foi chamado para a seleção principal do Canadá no 2019 IIHP World Championship. Apesar de ter sido reserva de Matt Murray nesta competição, devido aos seus números e habilidades, Carter Hart pode vir a assumir a titularidade do gol da seleção canadense muito em breve.

Foto: Reprodução/Barstoolsports.com

Tags:

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

%d blogueiros gostam disto: