LOADING

Type to search

Penalidades

 

Tipos

Minor Penalty:

É a mais leve das penalidades. O jogador que cometeu a falta é excluído do gelo e deve passar 2 minutos na Penalty Box (espécie de “canto do castigo”). Na maioria das vezes, o time do ofensor fica em desvantagem numérica (short-handed) durante este período, que é chamado de Penalty Kill. Se o jogador que fizer a falta for o goleiro, ou a falta for dada para o time e não para um jogador específico, qualquer jogador no gelo no momento da falta pode ir cumpri-la na Penalty Box. O time que tiver a vantagem numérica durante a punição tem o chamado Power Play, e se a equipe marcar um gol nesse tempo, o jogador de castigo volta e a vantagem acaba.

Se um jogador de cada time cometer uma infração ao mesmo tempo, cada equipe fica com 4 jogadores no gelo (mais o goleiro) e só podem voltar depois do fim do tempo da penalidade, não importando quantos gols forem feitos durante este período.

Major Penalty:

É um tipo mais duro de penalidade. Na Major Penalty, o jogador fica 5 minutos na Penalty Box. A maioria das infrações nessa categoria são casos de infrações de Minor Penalty mais graves. Uma exceção é a briga que sempre leva, pelo menos, Major. A Major Penalty não termina se o outro time faz um gol, enquanto o time está em desvantagem. Se o juiz dá Major Penalties para um jogador de cada time, o time pode substituir o jogador e não jogar 4 a 4.

Misconduct Penalty:

O jogador que recebe uma penalidade de Misconduct, fica fora do gelo por 10 minutos. Na maioria das vezes, esse tipo de penalidade é imposta juntamente com uma Minor. Por isso, normalmente, por dois minutos fica o jogador que cometeu a falt, e um outro jogador que estava no gelo durante ela, que pode cumprir os 2 minutos da minor no lugar do ofensor. Penalidades de  Misconduct normalmente servem para que o jogador tenha tempo de esfriar a cabeça, em sua maioria por causa de brigas.

Game Misconduct Penalty

Um jogador que recebe esse tipo de penalidade é expulso do jogo e é mandado para o vestiário. O jogador pode ser substituído no gelo imediatamente, mas na maioria das vezes um Game Misconduct é acrescido à uma Minor, ou ainda uma Major, o que no caso faz com que um jogador cumpra o tempo no lugar do jogador expulso. Na NHL se um jogador é jogado contra as Boards (bordas) e sofre uma contusão facial (que é risco de concussão), o jogador que provocou o Boarding é automaticamente expulso. 

Match Penalty

Um jogador que recebe uma Match Penalty é automaticamente expulso. Match Penalty é dada para jogadores que deliberadamente machucam, ou tentam machucar o oponente. Match Penalty e Game Misconduct são iguais na prática do jogo, porém, o jogador que sofre Match Penalty tem que pagar uma multa maior.

Penalty Shots

É um caso especial que acontece quando uma infração causou a perda da oportunidade de gol. Por isso, o jogador que sofreu a falta ou algum outro escolhido pelo time (se a falta não foi em cima de um jogador específico) tem a oportunidade de fazer um gol sem defesa além do goleiro. 

Faltas mais comuns

Boarding: Dar um empurrão violento no oponente próximo a board (uma espécie de borda que há em toda a volta do rink), quando o mesmo estiver de costas para o outro e de frente para a borda.

Charging: Quando um jogador acerta outro com o corpo depois de ter ganhado força e velocidade percorrendo uma maior distancia no gelo. 

Cross-checking:  Atingir o adversário com o taco, segurando-o com as duas mãos, sem que qualquer parte do taco esteja tocando o gelo.

Delay of game:  Quando o goleiro ou jogador atrasa o jogo propositalmente. Existem 3 principais maneiras de se fazer isso: Jogar o puck pra fora do vidro; Agarrar o puck com a mão (quando não se é o goleiro); E propositalmente esbarrar no gol e tirar o puck do lugar.

Diving: Quando um jogador se joga no gelo para conseguir uma penalidade.

Elbowing: Em português, dar uma cotovelada no coleguinha do outro time.

Fighting: Em português, Briga. Geralmente envolve tirar a luva e trocar alguns socos.

Goaltender Interference: Quando um atacante esbarra ou impede de alguma maneira, proposital, que o goleiro consiga jogar na sua posição.

Head-butting: Atingir o adversário com a cabeça.

High-sticking Acertar o adversário com o taco acima do nível dos ombros.

Holding: Segurar com as mãos ou com o taco o corpo, a roupa ou o equipamento do adversário.

Hooking: Utilizar o taco como se fosse um gancho para atrapalhar o avanço do adversário.

Illegal check to the head:  Atingir o adversário na cabeça, quando o mesmo não estiver vendo e estiver sem chance de defesa.

Interference:  Quando um jogador impede que adversário se movimente, impedindo que ele continue indo atrás do puck. Pode ser aplicado para esbarrões longe do puck em algumas ocasiões.

Kicking: Chutar o coleguinha do outro time com o patins ou com a lâmina do patins.

Kneeing: Em português, joelhada. Auto-explicativo.

Roughing: Empurrões e socos dados entre os jogadores quando o jogo já está parado, normalmente em frente aos gols.

Slashing: Quando um jogador atinge o taco, braço, mão, perna ou outra parte do corpo do oponente com seu taco. A partir de 2017, tocou com o taco no braço é slashing, não importando a força.

Tripping: Usar o taco com a intensão de fazer o adversário tropeçar, derrubando ou impedindo o jogador de continuar a jogada.

 

%d blogueiros gostam disto: